Você está aqui: Página Inicial / Cultura / Uma nau solitária

Cultura

Teatro

Uma nau solitária

por Redação Carta Capital — publicado 19/07/2012 12h19, última modificação 19/07/2012 12h19
'Herivelto Como Conheci', em cartaz até 22 de julho, no Rio, é um projeto dulpamente especial para Marília Pêra
cantorapost

Herivelto Como Conheci é um projeto dulpamente especial para Marília Pêra

por Daniel Schencker

Herivelto como conheci
Direção: Claudio Botelho
Teatro Net Rio, Rio de Janeiro
Até 22 de julho

Herivelto Como Conheci desponta como um projeto duplamente especial para Marília Pêra: por sua conexão com o terreno do musical e pela proximidade com os personagens verídicos, o cantor e compositor Herivelto Martins e sua mulher, Lurdes Torelly. Marília conheceu ambos nos bastidores do musical A Estrela Dalva (que protagonizou em 1987), sobre a cantora Dalva de Oliveira, com quem Herivelto foi casado antes de Lurdes.

Neste novo espetáculo, a atriz interpreta canções de Herivelto como Ave Maria do Morro, Atiraste uma Pedra e Culpe-me e confirma domínio técnico, força interpretativa e inconfundível acento cômico.

Marília Pêra surge acompanhada pelos músicos Thiago Trajano (arranjos, violão e bandolim) e Marcio Castro (piano e acordeom). Num momento como o atual, marcado por musicais grandiosos, Herivelto navega na contracorrente com simpatia e assumida despretensão.

registrado em: