Você está aqui: Página Inicial / Cultura / Trecho do Muro de Berlim é removido por projeto imobiliário

Cultura

Alemanha

Trecho do Muro de Berlim é removido por projeto imobiliário

por AFP — publicado 27/03/2013 11h48, última modificação 06/06/2015 18h24
Foram mobilizados 250 policiais para evitar manifestações de opositores ao projeto
muro de berlim

Policiais vigiam o trecho removido. Foto: ©afp.com / John Macdougall

BERLIM (AFP) - O EastSideGallery, trecho de mais de um quilômetro do Muro de Berlim, foi removido nesta quarta-feira 27, em função de um polêmico projeto imobiliário que visa à construção de imóveis de luxo na área.

Segundo a imprensa, 250 policiais foram mobilizados para evitar manifestações de opositores a este projeto. Outras manifestações do tipo foram proibidas.

Segundo os detratores do projeto, Berlim está vendendo a si e a sua própria história ao destruir o que resta do Muro, símbolo da Guerra fria.

Leia mais em AFP Movel.

registrado em: