Você está aqui: Página Inicial / Cultura / Sobretudo autores

Cultura

Teatro

Sobretudo autores

por Redação Carta Capital — publicado 18/08/2012 08h16, última modificação 18/08/2012 08h16
Emblema teatral mais conhecido de Minas Gerais, o Grupo Galpão comemora 30 anos com passagem em SP
TIO VÂNIA - Grupo Galpão (Belo Horizonte/MG) / Direção: Yara de Novaes

Ilusões perdidas. Mariana Lima e Eduardo Moreira em Tio Vânia

por Álvaro Machado

4x Galpão, 30
De 18 de agosto a 14 de outubro
São Paulo

Emblema teatral mais conhecido de Minas Gerais, o Grupo Galpão comemora 30 anos com passagem especial por
São Paulo, após festejar no Shakespeare’s Globe de Londres e em Belo Horizonte. Um dos fundadores, o diretor Gabriel Villela recupera sua antológica montagem de Romeu e Julieta (1992) em teatro de rua, um must see para o público jovem, com acesso gratuito dias 13 e 14 de setembro no Parque da Independência.

Também em espaços livres, mas do Sesc Belenzinho, e sob direção de Júlio Maciel, Till, a Saga de um Herói Torto, de Luís Alberto de Abreu, poderá ser visto nos dias 18 e  19 de agosto. O restante da programação apresenta, no Teatro Sesc Vila Mariana, as estreias mais recentes do grupo. Entre 24 e 26 deste mês, retorna a montagem internacionalmente elogiada de Tio Vânia de Tchekhov, com direção de Yara de Novaes. O dramaturgo de As Três Irmãs, peça que na versão Galpão gerou o filme Moscou (2009), de Eduardo Coutinho, também é a fonte de Eclipse (27 de setembro a 14 de outubro), livre “costura” de trechos de dezenas de seus contos. Jurij Alschitz, diretor russo convidado, acumula os créditos de dramaturgia, cenografia e figurinos. “O ciclo em São Paulo contempla tanto o teatro musical e popular quanto a pesquisa focada no trabalho de ator, realista ou não, pois somos sobretudo um grupo de atores, e bastante heterogêneo, apesar de a linguagem se tornar identificável”, diz o diretor artístico e ator Eduardo Moreira.

registrado em: