Você está aqui: Página Inicial / Cultura / Pertence à natureza humana

Cultura

Bravo! Cinema

Pertence à natureza humana

por Orlando Margarido — publicado 10/03/2013 10h03, última modificação 10/03/2013 10h05
Envolvido numa espiral de violência por causa de uma dívida, a sina do traficante Chris será também a do filme de William Friedkin, Killer Joe - Matador de Aluguel

KILLER JOE – MATADOR DE ALUGUEL
William Friedkin

Uma família disfuncional é o mínimo que se pode dizer dos Smith, quando um dos filhos (Emile Hirsch) convoca o inimaginável ao contratar um assassino (Matthew McConaughey) para matar a mãe alcoólatra, em desejo acordado por todos, devido a um seguro de vida. Envolvido numa espiral de violência por causa de uma dívida, a sina do traficante Chris será também a do filme de William Friedkin, Killer Joe - Matador de Aluguel, estreia desta sexta 8.

O diretor atraído pelo diabólico desde O Exorcista (1973) nos leva a um percurso pontuado de sadismo, do qual nem um reles ossinho de frango deixa de ter papel simbólico. Para ele, porém, trata-se apenas de uma história de amor, como acrescentou no Festival de Veneza do ano passado, um tanto ambígua, vá lá, mas com personagens insólitos e fascinantes.