Você está aqui: Página Inicial / Cultura / Documentário sobre Mário Lago é destaque da Mostra de Cinema

Cultura

37ª Mostra

Documentário sobre Mário Lago é destaque da Mostra de Cinema

por Redação — publicado 21/10/2013 18h33
Os 25 anos de carreira na televisão, o amor pelo rádio e a atuação no cinema são retratados através de trechos raros de programas da rádio naciona
Mario Lago

O sambista, ator e autor Mario Lago

“Sambista, ator e autor”. É assim que o ator Mário Lago (1911 - 2002) se define no documentário sobre a sua trajetória que será exibido pela primeira vez em São Paulo, no dia 23 de outubro, no Espaço Itaú da Augusta, às 20 horas. O filme Mário Lago está na seleção da 37° Mostra Internacional de Cinema, que prossegue até 31 de outubro. Com direção de Marco Abujamra e Markão Oliveira, a narrativa do filme, feita pelo próprio artista, leva a um passeio sobre a sua vida, por meio de entrevistas, composições e frases que continuam acompanhando gerações. Conta também com a participação de Beth Mendes, Gracyndo Jr., Lima Duarte, Nelson Sargento, Tony Ramos, entre outros.

Durante os 96 minutos do longa, os 25 anos de carreira na televisão, o amor pelo rádio e a atuação no cinema são retratados através de trechos raros de programas da rádio nacional, novelas como “O Casarão”, “Barriga de Aluguel”, na série “Hilda Furacão” e no filme “Terra em Transe” de Glauber Rocha.

Para Marco Abujamra, que também dirigiu o premiado "Jards Macalé - Um Morcego na Porta Principal”, Mário Lago era uma flor com raízes de aço. “Esse mergulho delicioso na vida de Mário Lago foi um privilégio que estará sempre guardado num lugar muito especial em meu coração.” Markão Oliveira diz que o documentário é um retrato de um Rio de Janeiro mais gentil, alegre e delicado - e também de  um momento histórico, tenebroso, passando pela formação de diversas produções culturais e artísticas que marcaram o século 20 no Brasil. Lago foi preso sete vezes por motivos políticos.

O filme traz ainda versões de poesias de Mário Lago musicadas por Lenine e Arnaldo Antunes e levam à compreensão de uma célebre frase do multiartista: “Fiz um acordo de coexistência pacífica com o tempo: Nem ele me persegue, nem eu fujo dele, um dia a gente se encontra”.

Serviço:

Dia 23/10, às 20h

Espaço Itaú Augusta

Endereço: Rua Augusta, 1475

Telefone: (11) 3288-6780