Você está aqui: Página Inicial / Blogs / Parlatório / Thomas Traumann pede demissão da Secretaria de Comunicação Social

Política

Renúncia

Thomas Traumann pede demissão da Secretaria de Comunicação Social

por Redação — publicado 25/03/2015 20h21
Saída acontece uma semana após o vazamento de documento da Secom com críticas à comunicação do governo federal
Antonio Cruz/Agência Brasil/Fotos Públicas
Thomas Traumann

Dilma Rousseff aceitou o pedido de demissão do ministro Thomas Traumann

O pedido de demissão do ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social, Thomas Traumann, foi acatado pela presidência da República, informa nota oficial publicada na quarta-feira 25. No texto, a presidenta Dilma Rousseff agradece "a competência, dedicação e lealdade de Traumann no período como ministro e porta-voz".

A saída de Traumann acontece uma semana após o vazamento de um documento interno da Secom com sérias críticas à comunicação do governo federal. No documento, a estratégia adotada pelo governo é considerada "errática" e o momento atual, um "caos político". Após o ocorrido, o ministro tirou férias por seis dias, para então retornar na terça-feira.

A Secretaria de Comunicação Social é responsável pelas estratégias de relacionamento do Planalto com a imprensa e pela definição do destino das verbas publicitárias do governo federal. Traumann é jornalista e assumiu o comando da Secretaria há cerca de um ano, além de ter atuado como porta-voz na primeira gestão de Dilma.

Minutos após a publicação de seu pedido de demissão, o ex-ministro se despediu via Twitter e postou trechos da música Novos Rumos, do compositor Paulinho da Viola.

Vou imprimir novos rumos Ao barco agitado que foi minha vida

— thomas traumann (@traumann) 25 março 2015

 

— thomas traumann (@traumann) 25 março 2015