Você está aqui: Página Inicial / Blogs / Carta nas Eleições / Procuradoria de São Paulo lança mobilização para fiscalizar pré-campanha

Política

Justiça Eleitoral

Procuradoria de São Paulo lança mobilização para fiscalizar pré-campanha

por Piero Locatelli — publicado 30/04/2014 17h36
Órgão eleitoral do Ministério público abriu canal para eleitores denunciarem campanha irregular de futuros candidatos
Agência Brasil
Santinhos

Santinhos espalhados na cidade de São Paulo em 2012

A Procuradoria Regional Eleitoral de São Paulo lançou nesta semana uma campanha para estimular cidadãos a fiscalizar práticas proibidas de candidatos na eleição deste ano. A PRE-SP abriu um canal direto em seu site para que possam ser feitas denúncias de infrações cometidos por quem pretende ser candidato nas eleições deste ano.

O órgão disponibiliza um canal de denúncias (aqui) no qual os eleitores podem denunciar detalhes sobre a infração, como local da ocorrência, o dia em que ocorreu e quem estava presente. Segundo a procuradoria, “a conduta irregular deve ser descrita da forma mais minuciosa possível, com a identificação do autor da infração. Também é importante que a denúncia, sempre que possível, seja feita com imagens do acontecimento e indicação de testemunhas.”

No momento, a campanha tem como foco a “pré-campanha” – ou seja, o período antes do dia 6 de julho, quando a propaganda é permitida e a corrida pelo cargo começa efetivamente. Até lá, é proibido fazer campanha eleitoral (inclusive na internet) e captar recursos para isso. Os pré-candidatos também não podem realizar podem participar de entrevistas e debates em qualquer meio de comunicação, desde que as emissoras deem tratamento semelhante a todos os postulantes aos cargos.

registrado em: ,