Você está aqui: Página Inicial / Blogs / Carta nas Eleições / Mark Ruffalo, o Hulk, retira apoio a Marina Silva

Política

Mark Ruffalo, o Hulk, retira apoio a Marina Silva

por Redação — publicado 29/09/2014 22h08, última modificação 30/09/2014 08h58
O norte-americano havia gravado um vídeo em favor da candidata do PSB, mas mudou de ideia após descobrir que ela é contra o casamento gay
Reprodução
Tumblr de Mark Ruffalo

Mensagem postada por Mark Ruffalo em seu Tumblr diz que ele não pode apoiar "em sã consciência um candidato que tem uma abordagem dura em relação ao casamento gay "

Botão Eleições 2014O ator norte-americano Mark Ruffalo, famoso pelo papel de Hulk na série de filmes Vingadores, retirou nesta segunda-feira 29 seu apoio à candidatura de Marina Silva após tomar “conhecimento” de que a ex-senadora é contra o casamento gay. No último domingo 28, a campanha de Marina Silva havia divulgado um vídeo em que o ator dizia apoiar a eleição da ex-ministra do Meio Ambiente.

Mas hoje o ator publicou um texto em seu Tumblr pessoal em que diz que essa informação o coloca “em conflito direto” com a candidata do PSB. “Eu não posso, em sã consciência, apoiar um candidato que tem uma abordagem dura em relação ao casamento gay e aos direitos reprodutivos, mesmo que este candidato tenha boas propostas sobre as questões ambientais”, publicou Ruffallo na internet ao anunciar a retirada de seu apoio.

A confusão fez a campanha de Marina Silva usar o Twitter para tentar convencer o ator de que a informação não seria verdade. “Caro, Mark Raffulo. Não é verdade que Marina Silva é contrato o casamento gay. Ela é uma defensora histórica dos direitos humanos”, afirmou a equipe de comunicação da candidata pelo microblog. “Você precisa saber que as eleições brasileiras são inundadas por mentiras e esta é outra mentira sobre Marina Silva”, completou.

Em seguida, o ator pediu uma versão em inglês do programa de governo da candidata para confirmar a informação. Após receber o documento, por meio do Twitter de campanha, Ruffalo perguntou se a candidata é realmente “pró-casamento gay”. Mas o perfil de Marina Silva não respondeu a questão. Por conta da repercussão, muitos usuários brasileiros no Twitter mandaram mensagem para Ruffalo alertando que Marina é a favor da união civil de pessoas do mesmo sexo, mas contra a utilização do termo “casamento”, que considera sagrado.

Dear @MarkRuffalo its not true that @silva_marina is against gay marriage. She is a historical human rights advocate. #Equipe40

— Marina Silva (@silva_marina) 29 setembro 2014